TRE/SC recebe mais de 48,2 mil requerimentos de eleitores via internet

Quem está com a situação eleitoral cancelada ou suspensa e não realizou seu pedido de regularização não poderá votar nas Eleições 2020

O prazo para solicitar a transferência de local ou cidade de votação, a regularização do título de eleitor e o alistamento eleitoral, acabou nesta quarta-feira (06). Desde o dia 6 de abril, quando a solução de Atendimento Remoto Emergencial foi implementada pelo Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE/SC), foram 48,2 mil solicitações no site da instituição.

Quem está com a situação eleitoral cancelada ou suspensa e não realizou seu pedido de regularização não poderá votar nas Eleições 2020. Atendendo ao calendário eleitoral nacional, os pedidos de primeiro título, regularização, alterações de dados ou transferência de município só voltarão a ser atendidos em novembro, após as eleições.

Nos últimos três dias antes do fechamento do Cadastro Eleitoral de 2020, foram encaminhadas ao TRE/SC 26,5 mil solicitações de eleitores. O presidente do Tribunal, desembargador Jaime Ramos, considerou “um sucesso” a operação de fechamento do cadastro.

“Mesmo diante da pandemia do novo coronavírus, que fez com que implantássemos o atendimento remoto ao eleitor de imediato, sequer com a possibilidade de planejá-lo, conseguimos ao longo de toda a quarentena, e, em especial, nestes últimos dias, receber uma grande quantidade de requerimentos solicitando o primeiro título, revisão de dados ou transferência. Estamos bastante satisfeitos com o resultado”, comemorou.

Fonte: Rádio Videira/ Conexão Comunidade
Foto: Divulgação