Temporal provoca destelhamentos, alagamentos e queda de árvores em SC

Ainda há chance de temporais nesta terça-feira (14)

Um temporal atingiu Santa Catarina durante a noite de segunda-feira (13) e a madrugada desta terça-feira (14). No Oeste, houve registro de destelhamentos e queda de árvores. Já em Florianópolis, algumas vias ficaram alagadas. Não há notificações sobre desabrigados ou pessoas feridas.

Nas cidades de São Carlos e Águas de Chapecó, no Oeste, os bombeiros distribuíram aproximadamente 700m² de lonas para 14 pessoas que tiveram as casas destelhadas pelos fortes ventos.

Já em Chapecó, maior cidade da região, os socorristas foram acionados para fazer o corte de árvores que obstruíram ruas dos bairros Santo Antônio, Engenho Braun e Domingos Giongo.

O município chegou a ficar uma hora sem energia elétrica durante a madrugada. Segundo o monitoramento virtual da Epagri/Ciram, foram registrados ventos de 94,21 km/h por volta da meia-noite.

Em Planalto Alegre, também no Oeste, os bombeiros foram chamados para remover uma árvore que interditou totalmente a SC-283. A situação já está normalizada.

O telhado de uma casa desabou e o duto de gás se rompeu na cidade de Itá, também no Oeste. Os bombeiros atenderam ocorrências relacionadas às chuvas em Cunha Porã, São Lourenço do Oeste, Catanduvas, Descanso e Modelo.

Florianópolis registrou pontos de alagamento em algumas ruas. A Guarda Municipal pede atenção redobrada dos motoristas ao trafegarem pelas estradas. A Defesa Civil municipal disse que não foram registradas ocorrências na madrugada.

Microexplosão pode ter atingido avenida Santa Teresinha em Joaçaba

A tempestade que chegou a região no início da madrugada desta terça-feira (14) provocou diversos estragos na avenida Santa Teresinha em Joaçaba. Moradores que tiveram suas casas danificadas acreditam que foi uma micro explosão, pois tudo aconteceu de forma muito rápida. No mato, na região do bairro Monte Belo, é possível ver o rastro da tempestade, com várias árvores danificadas. Foram registrados destelhamentos, vitrines de lojas quebradas e até mesmo o para-brisa de um caminhão foi danificado. Telhas que caíram dos prédios e casas atingiram alguns veículos que estavam estacionados ao longo da avenida. Lonas foram usadas para cobrir algumas casas.

(Rádio Catarinense)

Previsão 

As regiões que seguem  com risco de temporais, segundo a Defesa Civil são Meio-Oeste, Planalto Norte, Planalto Sul, Grande Florianópolis, Médio e Alto Vale do Itajaí. O risco é moderado a alto para ocorrências associadas aos temporais, chuva intensa e volumosa. Há chance também de raios e queda de granizo em algumas regiões do Oeste.

As temperaturas da tarde ficam entre 19 e 21°C boa parte das cidades com 17°C na Serra e 24 a 26°C no Norte. A frente fria aos poucos se afasta do Estado. O sol aparece em algumas aberturas das nuvens só que mais para quem está perto do RS. Chuva ainda está prevista, mas momentânea. Chance maior no Norte e depois no Vale do Itajaí e Litoral. Temperaturas da tarde entre 19 e 21°C.

Entre quinta e sexta ainda vamos ter dias muitos encobertos apenas com períodos de melhoria. Chuva prevista para todas as regiões. Na sexta, isoladamente volta a chance de temporais. Temperaturas baixas.