Pitaya: Produtores de Videira estão otimistas com a safra deste ano

Primeiras frutas devem ser colhidas no próximo mês.

Originária do México e de países da América Central, a pitaya parece ter desembarcado de vez no Brasil. Tanto é que, por causa da procura crescente, a fruta vem sendo cultivada por aqui.
As versões mais consumidas são a de casca rosa com polpa avermelhada e a de casca rosa com a polpa branca.


A pitaya concentra poucas calorias, e apesar de doce, não é um alimento rico em açúcar.
E já iniciou a floração e polinização das pitayas, fruta que está sendo cultivada e apreciada nos últimos anos na região. Também conhecida como fruta do dragão por causa da casca irregular e dos gomos escamosos, ela nasce de um tipo de cacto.


A pitaya possui vitaminas, como vitamina C, B1, B2, B3 e minerais, como ferro, cálcio e fósforo. A fruta exótica fez com que agricultores de Videira apostassem em uma nova alternativa de produção e que pode beneficiar principalmente o pequeno agricultor rural.

Na comunidade de São Roque, interior de Videira, está localizado o Sítio das Pitayas, propriedade que produz o fruto. Segundo o produtor Douglas Pelissari a iniciativa deu certo e essa é a primeira florada do ano com a expectativa de uma safra boa do fruto.

Adriano Scussiatto que é sócio do Sítio das Pitayas, lembra que as primeiras frutas devem ser colhidas em 45 dias e faz um convite a todos que queiram conhecer mais sobre a fruta.

Fonte: Rádio Videira
Foto: Rádio Videira