Momentos finais do brasileiro da série B

América com 84% de chances de título

Restam cinco rodadas para o fim da Série B do Campeonato Brasileiro, e as chances de acesso e rebaixamento estão se afunilando. De acordo com as projeções dos matemáticos da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), o América-MG está confirmado na elite do nacional, e a Chapecoense, com 99,99%, está com um pé na Série A. Do outro lado da tabela, o Oeste está virtualmente rebaixado, e Botafogo-SPParaná Figueirense lutam contra o rebaixamento no Z-4.

De olho no título, o América-MG abriu três pontos para a Chapecoense na liderança do campeonato e está com uma mão na taça. O Coelho tem 84% de chance de se sagrar campeão desta edição contra 16% da Chape.

O confronto dos catarinenses, nesta terça-feira, às 21h30, na Arena Condá, pode carimbar o acesso do Verdão do Oeste, mas também é a chance do Furacão de sair da zona da degola. Além de confirmar matematicamente o acesso, a Chape busca tirar a diferença para o Coelho na luta pelo título da Segundona. Visando sair do Z-4, o Figueirense mira os três pontos e seca o Vitória e o Náutico.

No topo da tabela, além do líder e vice, três equipes contam com chances mais expressivas de acesso: o Cuiabá, com 72%, CSA, com 59%, e Juventude, com 43%, são os times mais próximos na briga. Guarani, com 11%, Avaí, com 7%, e Ponte Preta, com 6%, estão na lista dos times com chances remotas. Da nona à 14ª colocação, os times contam com possibilidades próximas de 1%.

Na parte de baixo da classificação, o Oeste, com 99,99% de chances de rebaixamento, pode cair matematicamente nesta rodada. O Botafogo-SP, vice-lanterna, vive uma situação parecida, mas a sete pontos do primeiro time fora do Z-4, está com 97,7% de chance de queda. Além dos dois últimos colocados, Paraná, com 85%, Figueirense, com 56%, Vitória, com 41%, e Náutico, com 19%, são os principais times com chance de queda.

 

Fonte: Rádio Videira/Globo.com
Foto: Globo.com