Estudantes do Colégio Superação participam da 27ª edição do Parlamento Jovem de Santa Catarina

Até a quinta-feira, 21, eles estarão integrados à Assembleia Legislativa atuando ao lado dos parlamentares catarinenses

Durante esta semana, de 18 a 21 de novembro, os estudantes do Ensino Médio do Colégio Superação da Unoesc Videira, Airton Kirschner Junior, Pedro Arthur Bigarella Fávero, Wanessa Rosseto Andreola, Willian Rosseto Andreola e Henrique Miguel de Jesus, participam em Florianópolis do programa Parlamento Jovem, da Escola do Legislativo Deputado Lício Mauro da Silveira.

Até a quinta-feira, 21, eles estarão integrados à Assembleia Legislativa atuando ao lado dos parlamentares catarinenses.

A primeira atividade na Alesc ocorreu na tarde desta segunda-feira, 18, quando foram empossados pela deputada Marlene Fengler.

Segundo a gestora de Núcleo Educação Para a Cidadania da Escola do Legislativo, Lea Medeiros Cardoso, o programa realiza duas edições por ano, sendo que para participar, as escolas devem manifestar interesse e providenciar inscrição junto ao site: escola. alesc.sc.gov.br.

O programa é efetivado em cada semestre, sendo sorteados cinco alunos de oito diferentes unidades de ensino, nas várias regiões do Estado. O sorteio é feito no Plenário da Alesc e as escolas contempladas participam na edição seguinte do programa.

Lea conta que a partir da escolha, a Escola do Legislativo vai aos municípios e inicia um trabalho de formação política e técnica dos estudantes, com relação ao processo legislativo.

“Agora na etapa final, eles estão vivenciando o cotidiano dentro da Assembleia Legislativa, onde foram empossados, escolheram a Comissão de Constituição e Justiça, elegeram uma mesa diretora e, na quinta-feira, finaliza-se fazendo uma sessão plenária”, discorreu a gestora.

Criado em 2005, o programa prepara estudantes do Ensino Médio para despertar a consciência política e aproximar a juventude do Poder Legislativo estadual. São escolhidos 40 estudantes por semestre, os quais têm a oportunidade de conhecer e atuar por uma semana dentro da assembleia legislativa.

Segundo Lea, a partir do momento que eles conhecem o que é feito dentro do Parlamento e como a função do deputado pode auxiliar na vida dos catarinenses, retornam a seus municípios como cidadãos mais críticos, mais participativos e muitos acabam entrando para a vida político-partidária.

O programa é destinado a estudantes com até 21 anos de idade e válido para matriculados nas redes pública e privada de Santa Catarina.

De acordo com Lea, mais de 40 Projetos de Lei saíram de outras edições do programa. Todos foram feitos pelos jovens e utilizados pelos deputados, sempre garantindo a autoria de quem sugeriu as matérias.

O Colégio Superação ainda conta os suplentes Lara Beatriz Melillo Dorneles e Matheus Di Domenico.

Fonte: Jornalismo Rádio Videira/ Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação
Comentários
Carregando...