Coronavírus: SC confirma 21 novos casos e número de pessoas infectadas chega a 184

Estado segue com uma morte, de um paciente da Grande Florianópolis

O governador Carlos Moisés (PSL) confirmou 21 novos casos do novo coronavírus em SC. Com isso, o número de pessoas infectadas chega a 184. O Estado segue com uma morte por Covid-19, de um homem de 86 anos. As informações foram dadas na manhã deste sábado (28) durante coletiva de imprensa.

Durante a transmissão que durou pouco mais de uma hora, Moisés voltou a reforçar as medidas de retomada gradual da economia, com o retorno do atendimento em bancos e lotéricas a partir de segunda-feira (30). O governador destacou, ainda, que as autoridades sanitárias estão preparando uma portaria para orientar esses estabelecimentos a como agir — em temas como limite de pessoas das agências, limpeza, prioridade para idosos, por exemplo.

Questionado pela reportagem se alguma condição poderia fazer o governo rever esse plano de retomada a partir da próxima semana, Moisés desconversou, mas indicou que há, sim, possibilidade de ampliar o período de isolamento social e retardar o retorno de comércios e serviços. Essa decisão dependeria da contrapartida do governo federal no envio de equipamentos de proteção individual (EPIs) e para ampliação dos leitos de UTI no Estado.

O secretário de Saúde, Helton Zeferino, disse que Santa Catarina está travando “uma verdadeira batalha” com fornecedores para aparelhar UTIs. Zeferino ainda demonstrou preocupação quanto à disponibilidade de insumos de saúde em um momento que, segundo ele, “os casos vão aumentar exponencialmente no Brasil”.

— O mercado não estava preparado para essa demanda e a China, nosso principal fornecedor, ainda está tentando voltar a produção à normalidade. Ao mesmo tempo que nós precisamos ter leitos em condição de dar resposta aos catarinenses, nós precisamos proteger os trabalhadores da saúde. As duas situações têm que caminhar juntas — aponta o secretário de saúde ao se referir sobre UTIs e equipamentos de proteção a profissionais que atuam em hospitais.

Uma nova atualização de dados referente ao novo coronavírus em Santa Catarina será feita na segunda-feira (30), às 18h. Nesse dia, também, o governo irá avaliar como foi o primeiro dia de movimento em agências bancárias e lotéricas, ação que dá largada no plano de retomada da economia. Nesse contexto, ainda destacando a expressão “fique em casa”, Moisés ressalta que é necessário manter o alerta com a Covid-19.

— Precisamos sacudir aqueles que não estão levando (a doença) a sério. Vamos enfrentar dias difíceis no Brasil e no mundo.

 

 

Fonte: Jornalismo Rádio Videira/ Diário Catarinense
Foto: Reprodução