Chuva em excesso atrapalhou a safra da uva na região

Mesmo assim não irá prejudicar na qualidade dos vinhos e espumantes

Mesmo não apresentando uma qualidade tão boa quanto a de 2020, a safra da uva deste ano na região pode ser considerada dentro da média em termos de quantidade, prejudicada apenas pela chuva que caiu com intensidade no mês de janeiro periodo da colheita. Com isso os frutos apresentaram menor teor de açúcar.

Somente na região Meio-Oeste de Santa Catarina a colheita foi de aproximadamente 40 mil toneladas, de acordo com a Epagri. Ainda segundo o órgão, a quantidade foi semelhante a do ano passado.

Segundo o enólogo e pesquisador da Estação Experimental da Epagri de Videira, Vinícius Caliari, mesmo não sendo uma safra igual a do ano passado, os vinhos e espumantes produzidos pelas inúmeras vinícolas espalhadas pela região continuarão sendo de alta qualidade.

Na Vinícola Zago, que fica na comunidade de Anta Gorda, somente neste ano, foram moídos 1,8 milhão de quilos de uva e que renderá aproximadamente 1,4 milhão de litros de vinho. O representante da empresa Lucimar Zago, explica que a menor graduação de açúcar encontrada na uva deste ano, não irá interferir no resultado final do produto.

Fonte: Rádio Videira
Foto: Rádio Videira