CDL esclarece que não possui poder de fiscalização de lojistas

Entidade disse que ação compete a polícia e ao Procon e que trabalha para que as atividades possam ser retomadas o quanto antes; até lá, recomendações precisam ser seguidas

Mesmo com toda a fiscalização, alguns estabelecimentos tentam burlar a lei e com isso têm sofrido sanções. A Câmara de Dirigentes Lojistas  de Videira (CDL) orienta para que todos sigam as determinações contidas nos decretos do governo do estado.

O presidente da CDL José das Neves Olivo, afirma que o poder  de fiscalização é das polícias e do Procon, mas que a entidade vem orientando que mantenham as portas fechadas. Alerta que apenas materiais de construção foram autorizadas a funcionar a partir de hoje.

 

No entanto, Olivo afirma que a entidade vem trabalhando para encontrar uma saída logo para que na próxima semana estejam autorizados a retomarem as atividades.

Fonte: Jornalismo Rádio Videira
Foto: Assessoria de Imprensa