Amarp entra para o nível gravíssimo na matriz de risco do Governo do Estado

Nessa quinta-feira (6), os prefeitos da Amarp se reúnem de forma virtual para discutir a nova classificação da região e as medidas a serem tomadas

Nessa quarta-feira (05), o Governo do Estado encaminhou o informativo atualizado da Matriz de Risco com os dados que mostram que a Associação dos municípios do Alto Vale do Rio do Peixe (Amarp) entrou no nível vermelho (gravíssimo).

Nesta semana são oitos as regiões no gravíssimo, o que representa 50% das regiões de saúde em situação de risco, sendo que a nossa região foi reclassificada do risco grave para gravíssimo.

A maior preocupação nesse momento é com a elevada capacidade de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). São 10 regiões no gravíssimo e 5 no grave, ou seja, maior parte das regiões possui altas taxas de ocupação. Atualmente a capacidade ocupada de leitos de UTIs usada no modelo é de cerca de 83%.

Nessa quinta-feira (06), os prefeitos da Amarp se reúnem em reunião virtual para discutir a nova classificação da região para o nível gravíssimo, bem como quais serão as próximas ações a serem colocadas em prática nos municípios da nossa região. O secretário executivo da Amarp, Clovis Biscaro, comenta sobre a reunião.

Fonte: Jornalismo Rádio Videira/ Com informações da Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação